Setembro | 2019

EMOÇÕES ALCALINAS


Para quem vai lendo mensalmente as nossas newsletters pode parecer excessivo haver tanto a dizer sobre um mesmo assunto: “As 1001 maneiras de se manter saudável através da alcalinização e desoxidação”.
Ou seja, manter a juventude seja qual for a idade cronológica que tiver.
Será uma mania?
Mania de ser alcalino?
Não se trata de mania, trata-se de ser o que é indispensável a todos nós, tal como a ciência confirma.
Todos os seres vivos – pessoas, animais, plantas – se regem por leis simples: coerência de funções e inter-relações, economia de actividades, equilíbrio de recursos, entre outros. Estas leis regem todos os seres vivos tanto a nível macro, como a nível micro, isto é, a nível celular e mesmo a nível molecular.
Se pensarmos em nós humanos, de acordo com o que está comprovado cientificamente, constatamos que um corpo e uma vida saudáveis decorrem de:
  • manter a coerência entre o que pensamos, dizemos e fazemos,
  • de viver o dia-a-dia em equilíbrio e economia em todos os campos
Isto é o oposto de viver em esforço, em sobrecarga e em excesso, sejam estes esforços e excessos de natureza emocional, física ou alimentar.

Nestas condições de coerência e equilíbrio, o corpo encontra-se ligeiramente alcalino e não oxidado, e, permite um estado de saúde mantido e uma rápida recuperação quando surja um desequilíbrio ou uma doença.
Ora, na actual vida moderna, muitos são os desafios de ordem emocional e mental que nos podem levar a sair do equilíbrio.
Há já várias décadas que psicólogos e médicos têm estudado quais as emoções mais saudáveis e a Gratidão está no topo da lista.
Trata-se apenas de agradecer? Não.
Trata-se de praticar o colocarmo-nos nesse estado emocional durante um ou mais períodos durante o dia (tal como se pratica regularmente ir ao ginásio ou caminhar). Melhor ainda será assumir e manifestar a emoção da Gratidão como resposta a tudo o que a vida nos apresenta, como um programa interno de reagir que, com o tempo se tornará uma forma de ser.
Resumidamente, os inúmeros estudos científicos sobre a Gratidão comprovam que a sua prática consistente garante uma vida mais saudável, mais rápida recuperação de doenças graves, maior longevidade, e a sua prática regular funciona como amortecedor de eventos que condicionariam stress, e permite uma maior satisfação face à vida e às escolhas realizadas.
 
E… lembre-se que, para se alcalinizar e desoxidar fisicamente, é bom ter à mão uma água alcalina ionizada com poder anti-oxidante, pois esta tem a capacidade de amortecer, no corpo, os excessos do dia!!
 
Manuela Cerejeira
Médica
medicinadavida22@gmail.com
DICAS DO Dr. pH
DICAS PARA PRATICAR E ESPALHAR A GRATIDÃO

 


Ao acordar: agradeça o dia que tem pela frente.

Durante o dia: agradeça cada "bem" recebido (como p. ex. o sorriso dum colega de trabalho)

À noite: incite a família a recordar (e descrever) 3 coisas boas que aconteceram nesse dia.

Ao deitar: faça uma retrospectiva do dia e sinta-se grato por ele.
RECEITA DO MÊS
Gaspacho de melancia e aromáticas
Nutrichef Duarte Alves

Ingredientes:

500 g de melancia
2 tomates maduros
1 talo de aipo
2 dentes de alho
1 cebola pequena
3 colheres de sopa de azeite (virgem extra)
1 colher de sopa de açafrão (corcuma)
1 pitada de pimenta preta moída na hora
1 colher de sopa de mistura de sementes
  (chia, cânhamo, linhaça)
Uma mistura de aromáticas frescas
  (coentros, salsa, manjericão, hortelã)
200 ml de água alcalina

PREPARAÇÃO:
Retire as grainhas da melancia, coloque todos os ingredientes numa liquidificadora e triture muito bem durante 1 minuto.
Leve ao frio num recipiente de vidro tapado até estar bem fresco.
Sirva com folhas aromáticas frescas e se quiser decore com pequenos cubos de melancia.
 
Em setembro ainda estamos na época da melancia - despeça-se do verão e dos dias mais quentes com este delicioso gaspacho fresco e frutado.